www.arapuams.com.br – Portal de Notícias de Três Lagoas e região
Image default

Confira imagens| Comoção na 20ª encenação da Via Sacra em Três Lagoas

A História da Via Sacra começou em 1999 com o grupo com o JOVISA. A ideia foi trazida pelo integrante Sidney Evangelista, jovisista/ovisista, que foi apoiada pelo saudoso Padre Adolpho Sanchéz, por ser uma iniciativa com o propósito de gerar o aprofundamento da fé, além de motivar a oração e espiritualidade.

E neste ano chegou na vigésima edição da encenação da Via Sacra – Paixão de Jesus Cristo. A Via Sacra é a reflexão sobre a morte de Jesus Cristo. A meditação se reparte em 14 partes, conhecidas como “estações” e se inicia com o julgamento de Cristo, por Pôncio Pilatos, passando por todos os momentos de dor e sofrimento até a crucificação.

As 19h da sexta-feira (19), cerca de duas mil pessoas estiveram no pátio do Colégio Dom Bosco, localizado atrás da Catedral Sagrado Coração de Jesus no Centro de Três Lagoas-MS.

Muito bem ensaiado os grupos JOVISA (Jovens Na Orientação Para A Vivência Sacramental) de Três Lagoas em parceria com outros grupos, assim como o OVISA (Orientação Para A Vivência Sacramental), o Jovens Sarados e o grupo da São José, deu início a história nos palcos montados na praça, durante o evento o público foi seguindo os atores, que se misturava entre as pessoas.

Idosos, jovens e crianças, se emocionaram com entrega dos 55 atores, e num total de 150 pessoas envolvidas em contra regras, cenografia, sonoplastia, efeitos visuais e sonoros, figurino, maquiagem, estrutura e divulgação.

Ao todo foram 12 cenas, que retrataram a santa ceia, traição de judas, o flagelo de Jesus, sua condenação, morte e ressurreição.

No final da Via Sacra, Cristo ressuscitou dentro da igreja Matriz sendo aplaudido por todos os presentes, um momento de muita emoção e agradecimento.

VIA SACRA

Foram disponibilizadas cerca de 150 cadeiras para os idosos, gestantes e pessoas com crianças no colo. Segundo o grupo a quantidade de telespectadores superou a expectativa.

De acordo com o grupo, não se trata apenas de um teatro, mas sim de uma atividade de fé, oração e espiritualidade realizada pelos jovens para toda a comunidade.

Toda organização do evento foi feita com muito carinho e preparo, seguindo dois meses de ensaio, a fim de levar o melhor para a população três-lagoense.

“A quaresma para os cristãos é um momento de reflexão, meditação e mudança acerca de atitudes levianas, o trabalho para a encenação não exige somente esforço físico, mas espiritual” – reforçou o grupo.

APOIO E DOAÇÕES

A 20ª Via Sacra – Paixão de Jesus Cristo, contou com o apoio da Prefeitura de Três Lagoas, que auxiliou com parte da estrutura, como som e iluminação.

Uma vakinha online foi criada para ajudar com o restante do gasto com a aquisição de tecidos e complemento da estrutura. Quem puder ajudar basta acessar o link (http://vaka.me/434934) e contribuir com qualquer quantia.

As doações também foram feitas por meio da aquisição de uma rifa de Ovo de Páscoa de cinco quilos no valor de R$ 5 ou de um convite para o almoço do Porco no Rolete, que será realizado no dia 5 de maio às 11h30 no Colégio Salesiano Dom Bosco II, atrás da Catedral. O valor do convite é de R$ 35.

A história

A História da Via Sacra com o JOVISA começa no ano de 1999, trazida pelo integrante Sidney Evangelista, jovisita/ovisista, apoiado pelo nosso pároco já falecido Padre Adolpho Sanchéz, com o intuito de uma atividade mais aprofundada na fé, ação, oração e espiritualidade.

As primeiras encenações aconteceram de forma singela, mas com profundidade na espiritualização dos jovens, não se tratando somente de uma encenação teatral, mas sim de uma forma de espiritualização para os jovens a fim de que essa fosse passada para a comunidade, espelhado pelo movimento OVISA que em sua cerne tem a espiritualização das famílias.

Os jovens têm empenho em mostrar que são capazes de realizarem grandes feitos, e nessa certeza é que se torna possível, o que hoje para a Igreja Sagrado Coração de Jesus faz parte do calendário litúrgico. O grupo pôde contar com bons jovens coordenando a Via Sacra, como: Sidney – Andréia – Vanessa – Denis – Natal, Wictor, Thaís, Rafael e outros jovens também como os que fizeram o papel de Jesus Cristo: Ricardo, Wilton, Rodrigo, Natal, Fernando.

Dificuldades; uma palavra que não foge do vocabulário da Via Sacra; foram e são muitas até hoje, porém com a ajuda de Deus, as experiências e habilidades desenvolvidas pelos integrantes do grupo, apoio dos membros da comunidade, grupos da igreja e algumas empresas da cidade, esse trabalho, símbolo da nossa fé, se concretiza a cada ano buscando envolver mais e mais pessoas.

O grupo conta com a participação da comunidade nos ensaios, de amigos de jovisistas, pois são muitas atividades para que tudo de certo tanto na apresentação quanto por trás, como ajuda de cenário, contra regra, som, músicas, efeitos sonoros e visuais, figurino, o que ressalta aqui muitas vezes a questão da dificuldade financeira que é superada com promoções (em especial a rifa do Ovo de Páscoa de 5k) a doação da comunidade ao término da encenação, descontos obtidos nas compras por se tratar de um trabalho social evangelizador, e os próprios jovens que ajudam no que podem financeiramente.

A fé não se explica, se vive, e através do tempo quaresmal a entrega feita para a realização desse evento é total, é a disponibilização do tempo livre de descanso nos fins de semana para ensaiar, providenciar, criar, mergulhar num encontro com Jesus no nosso íntimo, e o resultado disso é visto pela comunidade que comparece para a Via Crucis na sexta-feira santa, e sempre pensando na comunidade é que buscado a melhor forma de apresentar, chegando mesmo a reduzir o percurso como era feito antigamente pelas ruas do bairro para o Salão Paroquial Dom Bosco, devido às pessoas com mais idade, e àquelas famílias que comparecem com crianças de colo e pequenas a fim de proporcionar menos cansaço, mesmo que seja uma forma de “penitencia” (força de vontade para agradecer ou prover algo bom) para elas.

Na sexta-feira santa os jovens passam o dia trabalhando nos últimos detalhes, repassando todo o texto, ornamentando. Começando com um momento de meditação, café da manhã, trabalhos, almoço, trabalho e mais trabalho e enfim um momento de espiritualização preparado para agradecer a Deus por tudo o que Ele nos possibilitou, é um momento mágico, único que faz a todos verem o quão cada um é importante na criação de Deus, na família, no grupo, na comunidade, na vida de cada um que está ali, apreensivo, nervoso, mas confiante que pode fazer o melhor pra Deus, que pode ser Seu instrumento, que é um filho amado, e que no amor que Deus prepara para ele, também pode amar o próximo.

Agradecer a todos é possível, mas não o suficiente para dizer o que realmente sentimos ao terminar mais uma Via Sacra, (se reunir extasiado, como se tivesse experimentado o amor a alegria mais profunda de Deus, (e é o que realmente acontece).

Deus nos chamou antes do nosso nascimento para participarmos da vossa criação. Nós aceitamos. E você, quando vai aceitar?

Um Abraço com carinho na paz de Deus!  Fernando Santos – Coordenador

Confira os últimos anos registrados pelo ArapuáMS

2016 – Paixão de Cristo| Emoção e Comoção na 17ª Via Sacra em Três Lagoas

2017 – Em Três Lagoas, encenação da Paixão de Cristo emociona fiéis, VEJA IMAGENS

2018 – Em Três Lagoas, Encenação da Paixão de Cristo marca sexta-feira santa, VEJA IMAGENS

 

Veja também

Câmara de Três Lagoas aprova continuidade da Apae na administração da rodoviária

admin

Vereadores de Três Lagoas dão posse para aprovado em cargo de motorista

admin

Jogos Escolares da Juventude: SEJUVEL E FUNDESPORTE entregam premiação aos campeões de futsal em Três Lagoas

admin

Protetoras Três Lagoas fazem resgate dramático de dálmatas abandonados

admin

SIG apreende pé de maconha em residência no centro de Três Lagoas

admin

Em Três Lagoas, Em reunião na Sanesul, prefeito e deputado viabilizam mais de R$ 40 milhões em obras

admin