Aos comandos da diretora Sônia Maria Teresinha Barbosa e da Diretora Adjunta Selma França Carvalho Vieira, a Escola Estadual Fernando Corrêa arrecadou produtos para as entidades de Três Lagoas, a Rede Feminina de Combate ao Câncer da Mulher e Lar do Idosos.Gincana Solidária (68)

Os alunos foram divididos em 4 cores: azul, branco, vermelho e preto, e a partir destas cores que começa uma disputa sadia, de arrecadar fraudas geriátricas, leite, feijão, gelatina, açúcar e óleo.

Gincana Solidária (67)Conforme a diretora Sonia Barbosa, este é o sétimo ano que acontece a Gincana Solidária, com finalidade de mostrar aos alunos a importância da solidariedade e ajuda ao próximo, assim mostramos a nossos alunos que é necessário ajudar a quem precisa, e neste ano vamos fazer a doação para rede feminina de combate ao câncer e ao asilo do idosos. Uma quantidade muito grande de produto foram arrecadados, estamos muito felizes, com a participação de  nossos alunos, e nesta quinta (06), encerramos a gincana, onde cada sala é decorada com a temática de Festa Julina, sendo caracterizada no tema, nos explicou a diretora.

Ao todo foram decoradas 19 salas do período matutino, um júri foi montado com professores de outras escolas, onde foram pontuados cada sala e no final a escolha da melhor.

E para finalizar, as 4 cores foram para a disputa final, entoando gritos de guerra e apresentado a famosa quadrilha, juntando o antigo ao novo estilo, tudo apresentado aos olhos atentos do jurado.

Depois de terminado a decoração das salas, os alunos tinham que deixar a sala pronta, para a turma do Verpertino, que fariam parte da Gincana.

Que exemplos como este da Escola Estadual Fernando Corrêa, seja seguido por todos os três-lagoenses, fazer o bem sem olhar a quem. Num momento que o mundo vive de desastres e fatalidades, nada melhor que mostrar a alegria e solidariedade de nossos jovens. Parabéns  a direção do Fernando Corrêa!!!

Rede Feminina de Combate ao Câncer

Fundada no Brasil em 1946, a Rede Feminina de Combate ao Câncer é uma entidade filantrópica que tem por finalidade a luta social no combate ao câncer, desenvolver ações de caráter preventivo e também promover uma melhora na qualidade de vida da pessoa que está em tratamento da doença. As redes femininas são consideradas ONG’s’ (Organizações Não Governamentais) e se mantêm através de doações, eventos, funcionários e voluntários.

Em Três Lagoas, foi fundada no dia 05 de junho de 1982, com o objetivo de cuidar tanto de pacientes com câncer como da família, oferecendo acompanhamento, suporte social e psicológico.
Sobrevivendo de parcerias, eventos e doações, a ONG foi reativada há 11 anos na cidade e conta com 11 funcionários e 70 voluntários.
A instituição desenvolve trabalhos de conscientização desde 2015. A cada mês, é trabalhado um tipo de câncer como foco de prevenção. A Rede Feminina atende atualmente, cerca de 160 pacientes de toda a Costa Leste.

Lar dos idosos

O Lar dos Idosos Eurípedes Barsanulpho é uma entidade mantida pelo grupo da Fraternidade Espírita José Xavier. De acordo com a entidade, são utilizadas, em média, 1,4 mil fraldas por semana, o que encarece a cada dia os custos mensais e a manutenção da entidade. Atualmente 32 idosos são atendidos no Lar, que também carece de outros tipos de recursos.

Sobre a Escola

Visando atender parte da clientela da zona rural de Três Lagoas, no ano de 1954, foi criada a “Escola Rural Mista Norte”, escola mantida pela pública estadual. Com o crescimento populacional, houve um aumento na demanda de vagas e tornou-se necessário a construção de um novo prédio, quando na ocasião o governador do Estado de Mato Grosso do Sul, Dr. Fernando Corrêa da Costa, constrói e inaugura no dia 08 de agosto de 1954, Grupo Escolar Fernando Corrêa da Costa, criado pelo Decreto nº 2.397, de fevereiro de 1965 e oficializado em 1º de março de 1965.

A primeira diretora desta escola foi a professora Joana Evangelina Mattos Martins, que permaneceu no cargo até o dia 30 de dezembro de 1967. Com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional nº 5.692/1971, a Escola Estadual 2 de julho integra-se ao Grupo Escolar Fernando Corrêa, situada na Avenida Antônio Trajano nº 1545.

Para atender a clientela em curto prazo, o prédio foi ampliado, sendo uma construção feita em alvenaria e posteriormente, no ano de 1979, construiu-se novo prédio, no governo do Dr. José Garcia Neto.

Em 1983, sob a direção do professor Claudinir Souza dos Santos, foi elaborado e expedido o processo de elevação de nível para segundo grau, aprovado pelo Decreto nº2.302, de 10 de dezembro de 1983, recebendo, então o nome de Escola de Primeiro e Segundos Graus Fernando Corrêa.

Sob a direção do professor Petrônio Alves Corrêa Filho, no ano de 1993, foi elaborado o processo de criação do Pré-Escolar, aprovado pela Resolução/SED nº 869, passando assim a denominar-se Escola de Pré-Escolar, Primeiro e Segundos Graus Fernando Corrêa.

Desta Forma, a partir do Decreto nº 9.104, de 12 de maio de 1998, passa a denominar-se Escola Estadual Fernando Corrêa, nome usado até o momento presente.

Atualmente a Escola possui 1200 alunos, nos períodos Matutino, Vespertino e Noturno. A Diretora Sonia Barbosa, segue a 15 anos na direção da Escola.

Veja as fotos também clicando aqui

Gincana Solidária da Escola Fernando Corrêa