Entre os promovidos a uma patente superior, dois se destacaram e ganharam premiação de uma bicicleta

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) de Três Lagoas, em parceria com o comando local da Polícia Militar Rodoviária (PMR), realizou a solenidade de Formatura de Graduação das crianças e adolescentes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV Patrulha de Educação no Trânsito.

Nessa solenidade, realizada no recinto do Plenário da Câmara Municipal, na noite de sexta-feira (1º), 14 aspirantes foram promovidos a soldado patrulheiro; 14 soldados subiram de patente para cabo patrulheiro; nove cabos patrulheiros foram promovidos à patente de 3º sargento; e sete patrulheiros subiram da graduação de 3º sargento para 2º sargento.

Junto com a promoção de mudança de patente, de 2º sargento para 1º sargento, a patrulheira mirim do trânsito, Dáffiny Dias, foi agraciada com uma bicicleta.
A mesma premiação de uma bicicleta foi entregue ao 1° sargento Bruno Franco, ao ser também promovido a subtenente da Patrulha de Educação no Trânsito.

Na solenidade, a secretária de Assistência Social, Vera Helena Arsioli Pinho, foi representada pela diretora de Proteção Social Básica da SAS, Maurelice Nunes dos Santos.
Junto com os pais e educadores das crianças e adolescentes do SCFV Patrulha de Educação no Trânsito, estiveram presentes na solenidade, representantes do comando local da PMR; o vereador Sargento Rodrigues; o comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar, tenente coronel James Magno; a diretora do SCFV CRASE Coração de Mãe, Nilce Figueiredo Garcia; e a representante da Fibria, parceira do programa Patrulha de Educação no Trânsito, Maria Tereza Borges.

EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO

“O foco principal deste programa social e educacional é a educação no trânsito. No entanto, existem também outras atividades, voltadas para a educação escolar”, explicou Nilce Figueiredo.

A solenidade, assim como os demais eventos programados durante o ano, como resumiu diretora Maurelice, tem a finalidade de “incentivar as crianças e adolescentes, como multiplicadores de educação no trânsito, na prática dos valores da hierarquia e da disciplina, despertando também neles o senso de responsabilidade e de respeito aos colegas e seus superiores”.

O programa Patrulha de Educação no Trânsito é um dos SCFV da Assistência Social, voltado para crianças e adolescentes, meninos e meninas, de 9 a 16 anos, implantado em Três Lagoas desde março de 2013.
De início, eram apenas 30 participantes, mas, com o apoio da Fibria e do comando da PMR nas parcerias com a SAS, foi criada mais uma turma de 30 alunos, que participam do SCFV no período contrário ao horário de escola.