ArapuáNews – Notícias de Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, Brasil e região
Image default

Piloto Anthoine Hubert morre após grave acidente na Fórmula 2

O piloto francês Anthoine Hubert, 22, morreu neste sábado (31) após um acidente durante a 17ª etapa do mundial de Fórmula 2, disputada na Bélgica.

Na segunda volta da corrida, Hubert -que defendia a escuderia da BWT Arden- foi atingido na lateral por Juan Manuel Correa (EUA), que está em condição estável de saúde. A prova foi imediatamente interrompida para que os atletas recebessem atendimento médico.
Em nota divulgada através de suas redes sociais, a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) lamentou o incidente e confirmou a morte do piloto às 18h35 (horário local, 13h35 no horário de Brasília).

“A FIA está dando apoio aos organizadores do evento e às autoridades competentes e iniciou uma investigação do incidente”, diz a nota.

Segundo a Federação, Giuliano Alesi (FRA), que também se envolveu no acidente, foi avaliado e imediatamente dispensado.

Confira a íntegra do comunicado da FIA:

A Federação Internacional de Automobilismo lamenta informar que um grave incidente envolvendo os carros nº 12, 19 e 20 ocorreu às 17h07 (horário local) de 31 de agosto de 2019 como parte da corrida da F2 em Spa-Francorchamps. A cena foi imediatamente coberta por equipes médicas e de emergência, e todos os pilotos foram levados ao centro médico.
 
Como resultado do incidente, a FIA lamenta informar que o piloto do carro 19, Antoine Hubert, sucumbiu aos ferimentos e morreu às 18h35.
 
O piloto do carro 12, Juan Manuel Correa, está em condições estáveis e está sendo tratado no hospital de Liège. Mais informações sobre sua condição serão fornecidas quando estiverem disponíveis.
 
O piloto do carro 20, Giuliano Alesi, foi chegado e declarado apto no centro médico.
 
A FIA dá todo o suporte para os organizadores do evento e as autoridades e iniciou uma investigação sobre o incidente.
 
Francês de 22 anos, Anthoine Hubert foi o piloto escolhido pela Renault para ser lapidado visando um lugar na F1 no futuro. O piloto, que emergiu ao grid da F2 neste ano depois de ter conquistado o título da antiga GP3 (hoje F3) no ano passado, passou a ser membro do programa de jovens pilotos da montadora gaulesa.

A carreira de Hubert foi coroada de êxito desde que o piloto passou a correr de monopostos. No seu primeiro ano em carros de fórmula, em 2013, o jovem nascido em Lyon tornou-se campeão da F4 do seu país.

Na temporada seguinte, passou por um processo de adaptação à F-Renault para andar bem em 2015, quando terminou em quinto lugar no campeonato com direito a duas vitórias em um total de sete pódios e duas poles.
 
Em 2016, o francês deu mais um salto na sua carreira ao correr na F3 Europeia. Mesmo em um grid bastante competitivo, com a presença de pilotos como George Russell, Lance Stroll — que ficou com o título — e Callum Ilott, Hubert venceu uma corrida e foi bem, ficando em oitavo lugar no campeonato.

Foi quando o francês optou em deixar a antiga F3 Europeia para migrar para a GP3. Decisão acertada, uma vez que os resultados foram notáveis. Correndo pela tradicional equipe francesa ART Grand Prix, Hubert terminou em quarto lugar, com quatro pódios. A consagração veio no seu segundo ano na categoria. Anthoine foi o campeão da GP3 em um ano contundente, com duas vitórias e um total de 11 pódios.
O piloto francês Anthoine Hubert, 22, morreu neste sábado (31) após um acidente durante a 17ª etapa do mundial de Fórmula 2, disputada na Bélgica.

O piloto francês Anthoine Hubert, 22, morreu neste sábado (31) após um acidente durante a 17ª etapa do mundial de Fórmula 2, disputada na Bélgica.Na segunda volta da corrida, Hubert -que defendia a escuderia da BWT Arden- foi atingido na lateral por Juan Manuel Correa (EUA), que está em condição estável de saúde. A prova foi imediatamente interrompida para que os atletas recebessem atendimento médico.Em nota divulgada através de suas redes sociais, a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) lamentou o incidente e confirmou a morte do piloto às 18h35 (horário local, 13h35 no horário de Brasília)."A FIA está dando apoio aos organizadores do evento e às autoridades competentes e iniciou uma investigação do incidente", diz a nota.Segundo a Federação, Giuliano Alesi (FRA), que também se envolveu no acidente, foi avaliado e imediatamente dispensado.

Publicado por Portal de Notícias ArapuáMS em Domingo, 1 de setembro de 2019

Veja também

Visite nosso novo site www.arapuanews.com.br

admin

Cerca de 800 pessoas participaram do projeto Transporte em Ação do SEST SENAT

admin

Em Corumbá, Professora de 44 anos morre atropelada por vagão

admin

Saudoso locutor de rodeios, ‘Curió’ ganha homenagem com nome de rua em Três Lagoas

admin

Ex-Vice Presidente da FETEMS e Professora Elaine de Sá Costa será velada as 20h no Sinted de Três Lagoas

admin

Reporter Arapuá, Acidente entre ônibus e carro é registrado na Avenida Ranulpho em Três Lagoas

admin