Professoras de Três Lagoas são convidadas a mostrarem projeto “Educadores do Brasil”...

Professoras de Três Lagoas são convidadas a mostrarem projeto “Educadores do Brasil” para uma TV de Curitiba

Assessoria de Comunicação Social

Proposta do programa, que está no ar desde o ano passado e é transmitido aos domingos no estado, é mostrar trajetórias de educadores de todo o país, apresentando projetos inspiradores na área

Duas professoras e a Diretora da Escola Municipal “Odeir Antônio da Silva”, de Três Lagoas, foram convidadas a participar do projeto “Educadores do Brasil”, programa produzido pela TV Evangelizar de Curitiba.

O jornalista Marcos Martins viajou até Três Lagoas e contou com uma equipe de vídeo local para entrevistar as professoras Eliana Cristina Miranda sobre o projeto com poemas de Manoel de Barros; Fátima Aranda que implantou uma biblioteca na Unidade, por meio do pedido de uma de suas alunas que queria uma poesia para homenagear a mãe e da Diretora Edneia que abordou a educação em Três Lagoas.

Segundo Marcos, a proposta do programa, que está no ar desde o ano passado e é transmitido aos domingos no estado, é mostrar trajetórias de educadores de todo o país, apresentando projetos inspiradores na área. “Temos viajado o Brasil gravando depoimentos de professores além de resgatar suas histórias e trajetórias, homenagear a profissão que infelizmente ainda é bastante desvalorizada”, explicou.

“Saber que o projeto contribuiu para inspirar outros professores do Brasil e vê-los felizes e motivados por serem reconhecidos é nossa maior gratificação”, comentou o jornalista.

Entrevista TV -E (56)
Fátima Aranda

Para Fátima “é muito gratificante termos o nosso trabalho reconhecido, porque trabalhamos por amor. Escolhi essa profissão quando criança e sempre tentei dar o melhor para os meus pequenos alfabetizando-os e estou muito feliz”, comentou.

Eliana Cristina Miranda
Eliana Cristina Miranda

Eliane acredita que “a educação tem que ser valorizada e reconhecida. Estou muito feliz de representar a minha cidade e a comunidade que eu gosto tanto que é da Unidade Odeir Antônio da Silva”, concluiu.