Image default

Reajuste da tabela do frete onera insumos agropecuários de MS

Com os preços mínimos impostos pela nova tabela do frete, que sofreu reajuste de 5% na semana passada em razão da alta no preço do óleo diesel, o custo dos insumos para produção agropecuária em Mato Grosso do Sul teve majoração de pelo menos 50%.

Além disso, os fretes de retorno, que acontecem quando os caminhões voltam dos portos para o Estado, registraram elevação de 200%. As informações são do Movimento Nacional dos Produtores (MPN) e do Sindicato Rural de Campo Grande.

A Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul-MS) estima ainda alta dos custos logísticos de fertilizantes de até 77%.

O reajuste da tabela do frete foi confirmado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e, logo em seguida, a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec) elevou de US$ 4 bilhões para US$ 5 bilhões a sua previsão de custo extra com frete para escoar a safra de soja e milho em 2019.

Por Correio do Estado

Veja também

Foragido por feminicídio, palhaço agrediu mulher durante sexo em Aquidauana

admin

Após ataque de abelhas, idosa morre em MS

admin

Após ordem para deixar área, 45 famílias relatam o desespero e a esperança em assentamento

admin

Carnaval ou ambulância? Para Bonito, ecoturista é mais rentável que ‘turista de carnaval’

admin

Você decide: Carnaval ou ambulância? Prefeitura de MS faz enquete para gastar dinheiro público

admin

MS registrou cinco mortes por raio em 2018; confira cuidados durante tempestades

admin

Trilhas de MS: conheça os melhores lugares para se aventurar no contato com a natureza

admin

Ferrari de R$ 1,9 milhão tem maior IPVA de MS; Porsche e Lamborghini estão na lista

admin

MSGÁS fechou 2018 com crescimento no número de clientes e recorde no segmento automotivo

admin