www.arapuams.com.br – Portal de Notícias de Três Lagoas e região
Image default

Seleção Brasileira vence o Peru e conquista o título da Copa América

No templo do futebol mundial, o Brasil venceu o Peru por 3 a 1 e voltou a conquistar um título de Copa América dentro de casa

“Não vai ser de brincadeira ele vai ser campeão”. O torcedor avisou antes mesmo de a bola rolar neste domingo (7). No campo, a Seleção Brasileira correspondeu à altura. Em noite de reencontros, “o campeão voltou”. Voltou ao Maracanã, voltou a disputar uma final. Dentro de casa, o Brasil venceu o Peru por 3 a 1 e levantou a taça da Copa América pela nona vez em sua história.

E se é em solo brasileiro, o torneio só podia terminar com o título da Canarinho. A edição 2019 da competição foi a quinta que aconteceu no país e em todas elas a Seleção Brasileira sagrou-se campeã (1919, 1922, 1949, 1989 e 2019).

O jogo

O duelo começou nervoso para a Seleção Brasileira, que viu o Peru criar duas boas chances em cinco minutos de jogo. Na primeira tentativa, Cueva cobrou falta com perigo e, na sequência, Tapia arriscou de fora da área. Passado o susto inicial, o Brasil colocou a bola no chão e na base da habilidade mostrou o que sabe fazer de melhor. E foi desse jeito que a rede balançou pela primeira vez. Aos 14 minutos, Gabriel Jesus recebeu lançamento na direita, driblou a marcação e cruzou na medida para Everton, que apareceu livre na área e emendou o chute fazendo explodir a torcida presente no Maracanã.

O gol deu tranquilidade para a Canarinho, que seguiu pressionando e ocupando todos os espaços do campo ofensivo. Na marca dos 23 quase veio o segundo. Dessa vez chegando pela esquerda, Firmino achou Coutinho pelo meio. O camisa 11 fez o desvio e viu a bola tirar tinta da trave adversária. O Brasil não deu trégua e, aos 35, Firmino cabeceou por cima da meta depois de ótimo cruzamento de Alex Sandro. Já aos 40 minutos, o Peru tentou responder e a arbitragem pegou um toque de mão dentro da área assinalando pênalti para os peruanos. Foi aí que o VAR entrou em ação e a tensão tomou conta do estádio. Com penalidade confirmada, Guerrero deixou tudo igual, aos 43: 1 a 1. Mas o empate durou pouco. Quatro minutos foi o tempo que a Seleção Brasileira precisou para reassumir o placar. Nos acréscimos da primeira etapa, Arthur deu belo passe para Gabriel Jesus, que bateu rasteiro no cantinho sem dar chances para defesa do goleiro Gallese.

Na volta do intervalo, a Canarinho não quis saber de diminuir o ritmo. Logo aos cinco minutos, Coutinho invadiu a área e mandou para o gol com muito perigo. Na sequência, Firmino teve mais uma chance. Everton fez jogada individual pela esquerda, tocou para Alex Sandro, que cruzou para o atacante cabecear rente ao poste. Aos 24, o Brasil passou a jogar com um a menos após expulsão de Gabriel Jesus. Em vantagem numérica, os peruanos ensaiaram uma pressão no ataque. Bem postado na defesa, a Seleção se fechou bem, na raça segurou o ímpeto dos adversários e ainda ampliou o marcador. Aos 41, o árbitro marcou pênalti para a Canarinho depois que Everton foi derrubado na área. Com a bola na marca da cal, Richarlison bateu com segurança e fechou a conta. Enquanto isso, nas arquibancadas o torcedor fazia seu show com gritos de “é campeão”, “olé” e tudo mais que se tem direito em um domingo de futebol, Maracanã e título.

BRASIL: Alisson; Dani Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Arthur e Coutinho (Éder Militão); Everton (Allan), Gabriel Jesus e Firmino (Richarlison). Técnico: Tite

Veja também

Goleiro brasileiro é eleito o melhor do mundo em sua posição no prêmio Bola de Ouro

admin

Messi conquista Bola de Ouro pela sexta vez

admin

Representando Mato Grosso do Sul, paratletas de Três Lagoas conquistam medalhas no Campeonato Brasileiro de Parabadminton

admin

Atleta Jefferson Macalé da Syon Jiu Jitsu de Três Lagoas conquista medalhas em Campeonato Baiano

admin

Equipe SYON Jiu Jitsu conquista 13 medalhas em Bauru/SP

admin

Equipe SYON Jiu Jitsu conquista 4 medalhas Campeonato Paulista em Itu-SP

admin