www.arapuams.com.br – Portal de Notícias de Três Lagoas e região
Image default

Viação São Luiz é suspensa pela Agepan e duas empresas assumem atendimento

A Agepan (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos), de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, determinou a suspensão temporária das operações da Viação São Luiz em quatro linhas intermunicipais e autorizou outras duas transportadoras a executarem o serviço para garantir o atendimento aos passageiros.

A empresa foi notificada da suspensão nesta segunda-feira, 02 de dezembro de 2019, conforme informado pela Agepan. A medida, inicialmente, é válida até o dia 10 de dezembro.

As operações da São Luiz foram suspensas nas linhas 030, Três Lagoas – Campo Grande; 057, Três Lagoas – Costa Rica; 089, Campo Grande – Aparecida do Taboado; e 146, Costa Rica – Campo Grande (via Chapadão do Sul). A primeira será executada pela Viatur. As demais, pela Expresso Itamaraty.

As substitutas já estão autorizadas a operar a partir de hoje e orientadas a aceitar os bilhetes adquiridos anteriormente, ainda de acordo com informações da Agepan. 

“Conforme a notificação expedida pela Agência Reguladora, a suspensão leva em conta a necessidade de garantia aos usuários do transporte rodoviário intermunicipal de um serviço com pontualidade e em condições de segurança, higiene e conforto, do início ao término da viagem”, informou a agência, em nota.

“A empresa, comprovadamente, não tem executado os serviços em conformidade com os padrões e programas operacionais estabelecidos, como apontam dois processos administrativos instaurados em 2018 e 2019 para monitoramento e fiscalização. No período de suspensão, serão reavaliadas as condições operacionais da transportadora.”

PARALISAÇÃO

Segundo informações da mídia local, cerca de 200 funcionários da empresa estão com salários atrasados. O pagamento deveria ter sido feito em 30 de novembro, segundo a publicação.

Por esse motivo, os trabalhadores paralisaram as atividades desde 5h desta segunda-feira, em Campo Grande. O presidente do sindicato da categoria na capital, Samir José da Silva, disse ao portal Correio News que a empresa afirma estar negociando com o banco o valor necessário para quitar o que deve aos funcionários, estimado em R$ 6,5 milhões.

Veja também

Cerca de 800 pessoas participaram do projeto Transporte em Ação do SEST SENAT

admin

CAMPANHA: “Adote uma caneca” é iniciada na Prefeitura de Três Lagoas

admin

Em Corumbá, Professora de 44 anos morre atropelada por vagão

admin

Saudoso locutor de rodeios, ‘Curió’ ganha homenagem com nome de rua em Três Lagoas

admin

Ex-Vice Presidente da FETEMS e Professora Elaine de Sá Costa será velada as 20h no Sinted de Três Lagoas

admin

Reporter Arapuá, Acidente entre ônibus e carro é registrado na Avenida Ranulpho em Três Lagoas

admin